Educação em Duas Línguas

O aprendizado de outras línguas, em especial do Inglês, é essencial no mundo globalizado em que vivemos. O indivíduo torna-se capaz de ter acesso, de forma mais rápida, à quantidade e qualidade maiores de informações. Consequentemente, sua habilidade de solucionar problemas e tomar decisões acertadas aumenta. Isso o permite estar mais bem posicionado no mercado de trabalho e na sociedade.

 

As aulas em Inglês acontecem desde o Grupo 2. A aprendizagem de outros idiomas para aqueles que ainda estão no início do desenvolvimento da sua língua nativa é mais fácil, portanto mais rápida. Para adolescentes ou adultos, aprender uma nova língua é mais difícil porque seus esquemas relacionados às regras linguísticas e gramaticais já foram assimilados e acomodados. Não é o caso de crianças pequenas.

 

Elas ainda estão criando e modificando seus esquemas para sua língua nativa e regras gramaticais, seus cérebros ainda estão construindo sinapses e vias neurais para solidificar o que foi ensinado. Isso permite uma maior flexibilidade na aquisição de novos conhecimentos sobre a língua, além de favorecer a pronúncia das palavras com mais fluência. Crianças que aprendem dois idiomas simultaneamente terão ainda mais facilidade para aprender no futuro um terceiro ou quarto idioma.

 

Além das vantagens no que se refere ao aprendizado de línguas, estudos recentes demonstram que crianças bilíngues apresentam vantagens cognitivas em relação às monolíngues. Pesquisas revelam uma maior flexibilidade no pensamento, reconhecimento de padrões, capacidade de foco, habilidade na resolução de problemas e tarefas. Os bilíngues ou multilíngues, em geral, também têm mais facilidade em lidar com a diversidade e as relações interpessoais.

 

EDUCAÇÃO INFANTIL

Na Educação Infantil, trabalhamos com conteúdos relacionados com aqueles aprendidos na língua materna. Como os professores se comunicam apenas em Inglês, o estímulo visual é muito importante. As aulas contextualizadas acontecem com muita música, vídeos, leitura de livros, experimentos e jogos. Exigem escuta e oralidade. Em 2016, 25% da carga horária é na Língua Inglesa. Em 2017, será ampliada para 50% nos grupos 2, 3, 4 e 5.

 

ENSINO FUNDAMENTAL I

No Ensino Fundamental, as aulas do Programa de Educação em Duas Línguas envolvem experimentos, vídeos, músicas, jogos e atividades contextualizadas, todas em Inglês. Trabalhamos o conteúdo de Ciências, pertinente à série, em conformidade com o que os alunos estudam com a professora da língua materna. Os cursos de Programação e Educação Financeira também são ministrados em Inglês. Nessa fase, os alunos já trabalham com as quatro habilidades: ouvir, falar, ler e escrever. A leitura e a interpretação de textos são muito estimuladas através da plataforma RAZ KIDS, onde cada aluno pode fazer login e ter acesso a uma vasta biblioteca online de títulos em Inglês, selecionados de acordo com a sua habilidade de leitura e compreensão.

 

ENSINO FUNDAMENTAL II

Seguindo a proposta de uma formação em duas línguas, os alunos do Fundamental II (6º, 7º e 8º ano) têm maior contato com atividades e projetos que demandam uso mais significativo e relevante da Língua Inglesa. São desenvolvidos projetos em Inglês com temas relacionados à disciplina Ciências. Nas apresentações, são confeccionados cartazes, maquetes e slides para incrementar e melhor ilustrar os trabalhos. O incentivo para a produção escrita vem através dos writings, ou produção textual, quando os alunos escrevem sobre temas trabalhados e discutidos em classe. Para divulgar a escrita, foi criado o Science Journal, publicação semestral que reúne os writings mais sugestivos. Nossos alunos trabalham para desenvolver as quatro habilidades em Inglês e, por isso, são avaliados de diversas formas. Além da avaliação escrita convencional, fazem parte do processo avaliações de participação, apresentação oral, escuta e produção de textos. Integramos Reading, Listening, Writing e Speaking para proporcionar melhor preparação aos desafios linguísticos que o mundo moderno exige.

 

ENSINO MÉDIO

O programa é alicerçado, metodologicamente, no “Fazendo o Pensamento Visível”, parte do “Project Zero” da Universidade de Harvard, tudo amparado através de cursos e treinamentos que nossos docentes realizam. O principal objetivo não é assegurar simplesmente o domínio da língua estrangeira, mas fazer com que haja um ambiente de conteúdo rico, tanto do ponto de vista linguístico (semântico e estrutural), quanto ideológico (pilares didáticos construídos na imersão cultural de temas transversais e assuntos interdisciplinares relevantes). A língua estrangeira acaba sendo aprendida de forma natural, e é internalizada sob uma abordagem lexical e humanística, na qual aulas “em Inglês” prevalecem sobre aulas exclusivamente “de Inglês”.